News

ABMD repudia ameaças de André Constantine a Kiko Nogueira

Kiko Nogueira
Kiko Nogueira no DCM TV. Foto: Reprodução/YouTube

Nesta sexta (19), o DCM recebeu uma nota dos integrantes da Associação Brasileira de Mídia Digital, ABMD, repudiando as ameaças de morte do militante do PT e líder do Movimento Nacional das Favelas e Periferias, André Constantine, a Kiko Nogueira.

“Os integrantes da Associação Brasileira de Mídia Digital, ABMD, repudiam os ataques e as ameaças formuladas contra o jornalista Kiko Nogueira pelo militante André Constantine, do PT. Elas tiveram curso por meio do canal do PCO no YouTube e são chulas, desqualificadas e desqualificantes. Nogueira e o DCM contam com o apoio da ABMD. Nenhum processo de intimidação pode prosperar”, diz a nota assinada por Florestan Fernandes Jr, Luís Costa Pinto e Dri Delorenzo.

Leia também:

1- Governo Bolsonaro censurou Inep e apagou artigo

2- Bolsonaro diz o que pensa sobre denúncias de queimadas na Amazônia: “Charopada”

3- Moro manda recado a Doria nas vésperas de prévia do PSDB: “Vamos juntos”

Kiko Nogueira deve processar André Constantine

O diretor do DCM, que está estudando a possibilidade de processar André Constantine, fez a denúncia durante programa na DCM TV.

Kiko explicou que internautas o questionavam por que Rui Costa Pimenta, presidente nacional do PCO, havia deixado o canal. Ele era comentarista do DCM.

O jornalista destacou que Pimenta tem uma posição difícil em relação ao negacionismo da vacina e às fake news. “Depois disso, fui ameaçado de morte pelo PCO. Eu não queria mostrar esse vídeo, mas infelizmente, vou ter que mostrar. É de uma pessoa que eu considerava amiga e fiquei profundamente chateado. Ele está falando em me matar. Preciso mostrar para vocês o que é o PCO”, afirmou Kiko.

Ameaças de Constantine

“Estamos palmeando (rastreando) vocês. Vocês são os primeiros que a gente vai pegar, que a gente vai caçar. Reformistas, desgraçados, doença na esquerda. Eu não preciso da justiça burguesa, eu tenho justiçamento”, disse Constantine.

O termo justiçamento significa o ato de justiçar, de punir com a morte ou linchamento. “Conheço essa pessoa, gosto dessa pessoa, continuo gostando. Por isso, não tomei ainda uma atitude mais drástica, como processar. Mas ameaça de morte é crime e estou pensando se vou até as últimas consequências buscando meu direito de me proteger diante de uma ameaça de morte. Tenho dois filhos para criar. Não tenho medo de ninguém, mas não sou otário”, afirmou Kiko.

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link.

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.